(45) 3257-1268 | Fale com a Prefeitura
(45) 3257-1268 | Fale com a Prefeitura
Seção
Institucional
Entre Rios criando cenário
Entre Rios criando cenário

No ano de 1962 foi criado o Distrito Administrativo de Entre Rios, nome dado oficialmente devido a sua localização entre os rios São Francisco Verdadeiro e Falso. Também no ano de 1962 foi aberto o primeiro açougue, de propriedade de Ervino Hentges. Na área da saúde, os serviços médicos, dentistas e farmacêuticos foram escassos e distantes, até que a  professora do ensino primário Noemia Elza Wegner Haener atendia precariamente em alguns socorros necessários, e em seguida Armindo Kamporst instalou a primeira farmácia. Em 1962 também começou a prestar serviços o primeiro ônibus de propriedade de Arlindo Lamb, fazendo uma linha diária de locomoção.

No mesmo ano foi fundado a Sociedade Esportiva e Recreativa Entre Rios, conhecido como o Clube Atlético, e o primeiro presidente foi Afonso Maldaner. A partir de então o nosso futebol foi coroado com muitos títulos na região e enchia de orgulho os entrerrienses que acompanhavam maciçamente o Atlético onde quer que ele fosse.

Em 1965 começou a funcionar o primeiro moinho descascador de arroz de propriedade de Helmuth Fleck. Em 1966 conseguimos energia elétrica gerada por motor da Laminadora Cedrella.

No ano de 1969 Ervino Hentges que já possuía o único açougue, comprou de Willi Brissow o primeiro posto de gasolina. A primeira padaria foi instalada de propriedade de Ivo Kroth, que é a atual padaria Kolling. Somente em 1969 a estrada Foz-Paranaguá foi asfaltada e denominada como BR-277, fato este necessário para o desenvolvimento de todo o Oeste do Paraná.

Em 1970 foi fundado o Ginásio CNEC para as 5ª a 8ª séries, e o primeiro Diretor foi Ademir Cassol. Em 1972 foi inaugurada a escola com 06 salas com o nome do presidente da época Emilio Garrastazu Médici – ficou denominado como Grupo Escolar Presidente Médici. Finalmente no ano de 1972 conseguimos a tão sonhada energia elétrica trazida pela Copel numa extensão de Pato Bragado.

Na década de 70, algumas culturas agrícolas foram experimentadas, tais como a hortelã e o café, que tiveram bons resultados. Também foram cultivados o sorgo e o girassol. No entanto, com a intensa mecanização, estas culturas acabaram cedendo espaço para o trigo, soja e milho.

No ano de 1978 foi instalado o primeiro posto telefônico e a primeira telefonista foi Vilma Zimermann. Todos tiveram que usar o único PS por 04 anos até que em 1981 foram instalados 55 aparelhos de telefone fixos DDD a um valor muito alto. No ano de 1982 a Igreja Católica passou a ser paróquia, abrangendo quatro comunidades interioranas.

Até 1982 nossa água era de poço quando passamos a usar água encanada do SAAE, e também vimos ser asfaltadas as primeiras ruas da vila, mas a estrada ainda era de chão até 1987, ano em que o asfalto ligou Rondon  a Santa Helena. Há mais de um ano a população rural viveu um grande medo da desapropriação, devido às águas da represa de Itaipu invadir suas terras. Em 1982 o grande lago da Costa Oeste se formou e muitas famílias foram embora, outras saíram do interior e vieram morar na cidade para mudar de atividade.

  Também foi construído o Ginásio de Esportes Laudir Luiz Anderle. Antes já havia campeonatos de futsal em cancha aberta no colégio e depois na praça.

Em 1990 foi implantado o Cartório porque passamos a ser Distrito Judiciário, e também foi criado o 2º Grau Estadual de Educação Geral. No dia 18 de Junho de 1990 foi criado o Município de Entre Rios do Oeste através da Lei Estadual nº 9.301. No ano seguinte, a população através de plebiscito votou a favor da autonomia político-administrativa, emancipando-se assim de Marechal Cândido Rondon.

O total de votantes foi de 2.400 pessoas com a manifestação de 98,4% favoráveis a emancipação. A eleição para o primeiro prefeito João Natalio Stein ocorreu em 1992, e a prefeitura passou a funcionar em 1993. No primeiro ano de vida própria além de se equipar desde a primeira caneta até máquinas e veículos para as primeiras ações de estruturação. Foi instalada a telefonia rural na Linha Divisa e Volta Gaúcha, e também implantado o Pronto Socorro.

Em 1995 recebemos o Correio na nossa cidade porque antes dessa data a Comercial Stein fazia um trabalho de despachar e receber correspondências. Também foi inaugurada a Câmara de Vereadores no mesmo ano.No ano de 1996 foi instalado o Parque Industrial, melhorando os índices de emprego que Entre Rios do Oeste passou a ofertar.

 1997 foi o ano em que foi reformulada a Praça João Natalio Stein, construída a Creche e o Conselho Tutelar e criado o Departamento de Esportes. Com recursos estaduais foi construída a Base Náutica ligando asfalto até a cidade. Em 1998 o município vivenciou o auge do esporte de repercussão internacional: os Jogos Mundiais da Natureza em que foram realizadas competições internacionais de canoagem.

No ano de 1999 um espaço ocioso entre as duas pontes foi utilizado para a instalação da praia que depois foi sendo gradativamente estruturado.

A partir do ano de 2003, Entre Rios do Oeste passou a ter o seu Centro de Eventos para a realização da festa de aniversário do município e outras festas de grandes proporções.

Nos anos de 2005 a 2008 o município passou a investir em grande escala no setor produtivo rural para aumentar a arrecadação do ICMS e melhorar a qualidade de vida. Com isso Entre Rios do Oeste possui hoje um dos mais altos índices de criação de suínos per capita do Brasil, além de ostentar uma considerável produção avícola.  

Uma necessidade sentida há muito tempo foi também a desvinculação do Colégio Estadual do prédio da Escola Municipal. Foi quando a partir do ano de 2009 o Colégio Estadual Professor Ildo José Fritzen passou a funcionar em prédio próprio.

A partir do ano de 2009 o destaque ficou por conta dos estudos avançados em relação ao projeto do Biogás que, uma vez implantado, trará ao município um desenvolvimento muito mais acelerado no futuro. Enquanto isso, importantes projetos estão em andamento e as expectativas são animadoras.

Como foi dito no início deste documentário, em cada época diferentes pessoas tiveram um objetivo em comum: o desenvolvimento sem limites e uma qualidade de vida cada vez mais digna para a população. Um município de merecimento de um povo que tem como característica o trabalho, e a honestidade.

Prefeitura Municipal de Entre Rios do Oeste, PR
© - 2017 | Todos os direitos reservados.
Receba nossos Informativos
Atendimento segunda à sexta, das (45) 3257-1268
Tecnologia e desenvolvimento